42.(CESGRANRIO – TRANSPETRO – ADMINISTRADOR/2012)

O Razão é um livro utilizado para registrar os fatos  administrativos da mesma natureza, numa mesma conta,  sob uma denominação que os identifique de forma clara e precisa.
Nesse contexto, nas sociedades anônimas, o livro Razão é

(A) facultativo sob o enfoque da legislação fiscal do imposto de renda.
(B) escriturado por lançamento completo em ordem cronológica rigorosa.
(C) utilizado para registrar os fatos administrativos na forma de razonete sintético.
(D) auxiliar sendo o livro de maior valia para a legislação societária.
(E) o instrumento mais valioso para o desempenho da contabilidade.

COMENTÁRIO

O livro Razão é um livro obrigatório pela lei do Impostos e Renda e facultativo pelas leis comerciais. Nele, todos os fatos contábeis são registrados por tipo de conta, cada folha, cada “parte” do livro razão se refere a uma conta. A escrituração é feita por conta e, dentro de cada conta, é feita em ordem cronológica. É o principal livro da contabilidade, tanto que nele não podem haver rasuras, qualquer erro tem que ser consertado através outro lançamento anulando o primeiro errado.

Indo item a item:

(A) facultativo sob o enfoque da legislação fiscal do imposto de renda. – é obrigatório – errado!
(B) escriturado por lançamento completo em ordem cronológica rigorosa. – É escriturado por contas. – errado!
(C) utilizado para registrar os fatos administrativos na forma de razonete sintético. – Fatos contábeis. – errado!
(D) auxiliar sendo o livro de maior valia para a legislação societária. – não é um livro auxiliar – errado!
(E) o instrumento mais valioso para o desempenho da contabilidade. – corretíssima, é o livro com maior valia dentro da contabilidade empresarial.

RESPOSTA LETRA E

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha Captcha Reload