27. (CESGRANRIO – PETROBRAS– ADMINISTRADOR/2010)

Atualmente, o termo Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos (Supply Chain Management) é usado para descrever o complexo fluxo de materiais e informações que passa por essa cadeia. Para alcançar a eficiência na gestão da cadeia de suprimentos, uma empresa deve

(A) colaborar com fornecedores e clientes, compartilhando informações sobre demanda e estoques de seus produtos, componentes e matérias-primas.
(B) integrar verticalmente a produção, evitando a dependência de muitos fornecedores ao longo da cadeia.
(C) implementar uma estratégia de especialização em suas principais competências, deixando a produção de componentes e subprodutos não essenciais para outros fornecedores.
(D) melhorar, isoladamente, cada ponto da cadeia de suprimentos, de forma a maximizar a eficiência de cada operação, garantindo a eficiência global da cadeia de suprimentos.
(E) estabelecer programas de lotes econômicos de compra e produção, para equilibrar os custos de transporte e armazenagem, responsáveis pelos principais custos que incidem na cadeia de suprimentos.

COMENTÁRIO

Supply Chain Management (gestão da cadeia de suprimento) é, segundo o Slack, “é a gestão da interconexão das empresas que se relacionam entre si por meio de ligações a montante e a jusante entre os diferentes processos, que produzem valor de produtos e serviços na forma para o consumidor final. É uma abordagem holística da gestão através das fronteiras da empresa.”

Simplificando, é a gestão de todos os pontos do processo de fabricação que acontecem fora e dentro da empresa. Gerenciar fornecedores de peças, por exemplo, e distribuidores de produtos fazem parte do SCM. Isso tudo é feito para agregar mais valor ao produto, sempre visando a satisfação do cliente final. É importante que as empresas tenham o máximo de comunicação possível para que a cadeia seja o mais eficiente possível, chegando inclusive ao ponto de compartilhar os sistemas, para melhor gerenciamento dessa cadeia. Com isso já notamos que a alternativa correta é a A.

Só para não deixar as outras no B, integrar verticalmente é “comprar”  ou decidir produzir todas as etapas da cadeia e essa não é a maneira mais eficiente de se fazer isso, afinal se preocupar com muita coisa acaba desviando o foco.

A C é até certa, mas a questão quer o que dá eficiência ao processo, simplesmente terceirizar em si não torna eficiente. Tem que terceirizar para as empresas corretas e, como disse acima, fazer a informação fluir. A opção está simplesmente incompleta.

A letra D fica bem claro por esse “isoladamente”. Estamos falando de uma cadeia completamente integrada, nada é para ser isolado!

A letra E fala de LEC, apesar de diminuir os custos armazenagem e transporte, como a questão fala, não tem a ver com a eficiência do SCM.

RESPOSTA LETRA A

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha Captcha Reload