40.(CESGRANRIO – PETROBRAS– ADMINISTRADOR/2012)

Uma empresa modificou seu planejamento de RH diante de uma política governamental de aumento de carga tributária e aumento das taxas de juros. Decidiu-se cortar remuneração variável pela produção, incentivar demissões voluntárias e reduzir a jornada de trabalho.

As estratégias de RH descritas justificam-se diante de um cenário de

(A) demanda de competências de RH ampliada
(B) demanda de produção de bens acelerada
(C) mercado externo de trabalho arrefecido
(D) mercado interno de trabalho aquecido
(E) nível de produtividade da empresa inaceitável

COMENTÁRIO

Já falamos de Mercado de Trabalho x Mercado de Recursos Humanos antes, vamos relembrar aqui:

Mercado de Trabalho (MT):
É caracterizado pelo conjunto de vagas disponíveis. Toda vez em que se fala nas vagas disponíveis ou na falta de vagas, estamos falando do mercado de trabalho. As consequências do excesso ou falta de vagas são:

MT em oferta (excesso de vagas):- Investimentos em recrutamento para atrair candidatos.
– Critérios de seleção mais flexíveis e menos rigorosos.
– Ofertas salariais estimulantes para atrais candidatos.
– Investimentos em benefícios sociais para atrais candidatos.
– Ênfase no recrutamento interno, como meio de fixar os funcionários atuais e dinamizar os planos de carreiras.
MT em procura (falta de vagas):- Baixos investimentos em recrutamento.
– Critérios de seleção mais rígidos e rigorosos para aproveitar a abundância de candidatos.
– Poucos investimentos em treinamento, para aproveitar candidatos já treinados.
– Ofertas salariais mais baixas para aproveitar a competição entre candidatos.
– Poucos investimentos em benefícios sociais, pois não há necessidade de mecanismos de fixação do pessoal.
– Ênfase no recrutamento externo como meio de melhorar o potencial humano, substituindo funcionários por candidatos de melhor qualificação.

Essas são as consequências do MT sobre as práticas de gestão de pessoas.

Mercado de Recursos Humanos (MRH):

Esse já se refere ao conjunto de candidatos a emprego. É o mercado de candidatos. Quando se fala em falta ou excesso de candidatos, se fala em MRH. Assim como no MT, o MRH também causa consequências dependendo de sua situação.

MRH em oferta (excesso de candidatos):- Competição entre candidatos para obter emprego.
– Rebaixamento das pretensões salariais.
– Dificuldade em conseguir emprego.
– Temor de perder o atual emprego e maior fixação ao emprego.
– Baixo absenteísmo.
– O candidato aceita qualquer oportunidade desde que ela apareça.
– Orientação para a sobrevivência.
MRH em procura (falta de candidatos):- Falta de competição entre os candidatos.
– Elevação das pretensões salariais.
– Facilidade em conseguir emprego.
– Vontade de perder o atual emprego e menos fixação ao emprego.
– Elevado absenteísmo.
– O candidato seleciona múltiplas oportunidades que tem pela frente.
– Orientação para a melhoria e desenvolvimento profissional.

Notamos na questão que a empresa, devido às mudanças ambientais, está cortando benefícios, reduzindo remuneração, ou seja, tornando a empresa menos atrativa para se trabalhar nela. Quando uma empresa consegue pagar menos e ainda assim consegue com manter a empresa com empregados é a situação de mercado de trabalho em procura, ou seja, a quantidade de vagas no mercado está baixo, está frio e todos querem garantir uma vaga e para isso os funcionários e candidatos se tornam menos criteriosos na hora de escolher a vaga e a empresa mais criteriosa ao escolher o candidato, podendo cortar esse benefícios que ainda assim terá procura de candidatos.

Vi um colega que errou por não saber o que era arrefecido, o que é bem normal. Arrefecido creio que seja um termo mais utilizado para quem trabalha com carros e máquinas em geral, que tem o sistema de arrefecimento, de resfriamento dos componentes. Mercado de trabalho arrefecido é um mercado de trabalho frio, justamente a nossa resposta.

RESPOSTA LETRA C

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Captcha Captcha Reload